roma-filme

A plataforma de “STREAMING NETFLIX” lançou nesta sexta-feira (14) o filme ROMA! Autobiografia da juventude do diretor Alfonso Cuarón. O longa foi eleito “melhor filme do ano” pela Associação dos críticos de Los Angeles. Também deixou sua marca no festival de VENEZA levando a premiação máxima “LEÃO DE OURO”.

“Roma” conta a história da emprega doméstica Cleo (Yalitza Aparicio) que vive como doméstica de uma família de classe média em 1970 na cidade do México, durante um ano, diversos acontecimentos inesperados acontecem e afetam diretamente a vida de todos. Conheça agora 8 motivos para assistir a maior obra de Alfonso Cuarón.

 

1º O maior número de indicações e premiações

roma

Roma teve o seu primeiro lançamento no mundo em 2018, como é possível um filme tão recente ter prêmios tão memoráveis? Veja abaixo algumas premiações:

-Melhor filme do ano: pela associação de críticos de Nova York.

-Melhor filme do ano: pela associação de críticos de Los Angeles.

Leão de Ouro: Pelo festival de Veneza.

Melhor filme: Los Angeles Film Critics Association

Estas são as premiações do filme! Roma também já levou estatuetas como por exemplo; melhor direção, melhor atriz e melhor fotografia. Em 2019 o filme irá concorrer em 34 indicações, inclusive de melhor filme estrangeiro no Oscar. Confira abaixo a lista de indicações:

lista roma

 

2º Primeiro filme produzido pela NETFLIX a ser tão reconhecido

images

Estamos acompanhando a briga entre as salas de CINEMA VS NETFLIX, recentemente os fundadores do streaming se pronunciarão, dizendo que a mesma qualidade que as salas de cinema oferece eles também podem proporcionar aos telespectadores. Porém vivemos numa sociedade “virtual” as plataformas streaming vem ganhando audiência da televisão e principalmente dos cinemas. Entretanto, as salas de cinema vêm trabalhando para trazer melhor qualidade aos seus telespectadores, como o novo sistema DOLBY DIGITAL que trará novas sensações ao telespectador.

Também temos as pesquisas mais recentes, uma delas é a possibilidade de exibição de filmes com uma “visão de realidade aumentada” nas salas de cinemas no Brasil (que inclusive é feita pela ANCINE). Outro teste é a criação do CINEMA AO VIVO.

A NETFLIX só neste ano lucrou mais de 8 bilhões de dólares, a plataforma vem abrindo as portas para todo tipo de conteúdo, dando a oportunidade para várias produções estrangeiras. Entre eles o México! Oficialmente a NETFLIX comprou os direitos de distribuição de ROMA e está dando o que falar, já que o filme estreou primeiramente em sua plataforma. Até então, nenhum filme da NETFLIX foi tão longe quanto ROMA! Fica a pergunta…. Será que a ACADEMIA DO OSCAR irá dar o devido valor ao filme na premiação de melhor filme estrangeiro em 2019?

 

3º O filme é uma autobiografia de Alfonso Cuarón

Screen-Shot-2018-07-24-at-4.09.43-PM.png

“Alfonso Cuarón Orozco” é um roteirista, produtor e cineasta mexicano. É irmão de Carlos Cuarón e foi casado com a crítica de cinema italiana Annalisa Bugliani. Com um portfólio ótimo dirigindo filmes como:  Harry Potter E O Prisioneiro De Azkaban, Gravidade e “E Sua Mãe Também”. Alfonso nasceu na cidade do México em um bairro de classe média que se chamava “ROMA”, vivia com seus irmãos, pai, mãe e 2 empregadas domésticas. Alfonso deixou explicito no filme o tão importante que a empregada CLEO era para a família, tanto que a palavra ROMA ao contrário é “AMOR”! Amor é o que a família toda sentia por esta mulher.

 

4º A cidade do México em 1970 sofria de um regime conservador  

No filme podemos analisar alguns fatos que aconteceram! O primeiro deles é o regime conservador do governo da época (na Cidade do México), a economia não era das melhores, a vida da empegada CLEO era apenas 1 fato entre tantos outros; a dificuldade em se estruturar financeiramente, o valor da moeda e principalmente a falta de apoio do governo causaram alguns protestos, causando diversas mortes.

Mortes na qual foi de grande impacto para resolução do conflito do filme! Como ficou explícito em uma das cenas ápice da personagem; CLEO de frente com o pai de seu filho e ele apontando uma arma a ela.

 

5º Direção de cenas recheadas de plano sequência

roma2-1024x463

Outra coisa que podemos citar é a direção excepcional de Alfonso Cuarón, o uso de travellings em planos sequencias são repletos de uma enorme qualidade técnica! Na maioria das cenas ele trabalha a visão 360º (o que é incrível pois é muito difícil). O sonho de qualquer diretor é trabalhar com plano sequência, creio eu que Alfonso o realizou várias vezes durante a produção.

Vale apena pausar o filme e ficar revendo estes planos sequências, pois eles são recheados de belos elementos feitos pela direção de arte.

6º ROMA em preto e branco

A trama se passa na década de 70, para retratar sua infância Alfonso optou pelo preto e branco, e se arriscou bruscamente. Filmes em preto e branco corre o risco de comprometer o trabalho da direção de arte e da fotografia, o que não foi o caso! Já que a direção e fotografia dá um show de luzes em cena.

Mesmo para a cor branca, existe diversos tons de branco, o uso do P&B, o uso de algumas cores causa sensações especificadas para o telespectador, em ROMA isto é evidente!

7º Roma tem uma linguagem poética

A grande arte de se fazer cinema é criar cenas que dizem tudo e ao mesmo tempo não se diz nada! Poucos diálogos, mas muitas imagens são características de “Roma”. Assim como dizia os estudos do diretor Sergei Eisenstein, o plano B + A = é igual a sensação C. Vamos dar um exemplo (vou dar spoiler):  em uma das cenas CLEO está em um hospital na área da maternidade, logo acontece um terremoto e atinge um bebê na incubadora; plano das pedras em cima da incubadora com o bebê dentro logo, depois vamos para o plano seguinte; o sinal da cruz (logo entendemos que o bebê morreu).

O filme é cheio deste conceito, seja obvio ou não, objetivo ou subjetivo… “ROMA” traz consigo vários elementos e referências e sempre tem algo a dizer é um tremendo filme de drama!

 

8º É do México!

roma1.jpg

“Roma” é um filme mexicano produzido pela NETFLIX, depois do sucesso do diretor Guillermo Del Toro com o filme “A forma da água” temos Alfonso Cuarón com “ROMA”. É muito bom ver um filme Mexicano ganhar o título de melhor filme do ano!