bumblebee.jpg

estrelas3

O filme é um ‘Spin-off’ de TRANSFORMERS e é voltado para o público ‘Teen’, dirigido pelo cineasta Travis Knight, Bumblebee tem em sua produção nada menos que o ‘Steven Spielberg(como produtor executivo) e Michael Bay como produtor (diretor da série de filmes de Transformers), infelizmente a presença dessas lendas não foi de nenhum impacto, pois Travis Knight apresenta uma narrativa sem sal, chocha e basicona.

Bumblebee aborda um tema mais novo para o telespectador; onde a história se passa 20 anos antes do primeiro filme de Transformers. “Bumblebee” é um soldado no planeta Cybertron, subordinado do líder Optimus Prime que o manda para a TERRA para se refugiar, porém os Decepticons o seguem e começa uma busca implacável atrás de Bumblebee.

Michael Bay fez uma tremenda falta na direção deste filme, o que podemos comentar? Muitas vezes megaproduções só possuem rótulos, mas o que falta mesmo é conteúdo, não há o que reclamar no quesito “TÉCNICAS DE AUDIOVISUAL” as cenas de ação não são nada mal (claro que não é nenhum TRANSFORMERS) até porque o diretor Travis Knight prometeu ao público transformações mais complexas, possibilitando uma visualização mais lenta das engrenagens dos robôs (que eu sinceramente não notei muita diferença).

A narrativa é bem básica, não traz uma grande “PREMISSA”, “LIÇÃO” OU “APRENDIZADO”, mas pelo menos tem alguma coisa para se mostrar, já a atriz Hailee Steinfeld é um talento excepcional que não foi bem aproveitado, porém sua presença é o que dá um pouco de ânimo a trama. Outro elemento que faz falta é a presença de Optimus Prime (que aparece pouco), Optimus foi a melhor adaptação de Michael Bay até hoje!  Sua trilha herói, seu dom de discurso, sua dublagem marcante e sua presença de liderança é o que vale a um “SUPER HOMEM” do universo de transformers. Em minha humilde opinião o diretor deveria investir mais neste personagem “brilhante”.

bumblebee2

Entretanto, será um filme que irá vender bem! Pois se trata de um ‘blockbuster’, ‘longa hollywoodiano’ e principalmente por ser um ‘spin-off de transformers’ e que traz a história de um personagem bem-amado pelo público brasileiro –Bumblebee! Vale ressaltar que este é o primeiro live-action do diretor Travis Knight, não há muito o que cobrar.

Enfim, fica a minha dica; não vá ao cinema apenas para se embriagar de efeitos visuais e especiais, não olhe apenas o rótulo e não se preocupe apenas com as cenas de ação.  Olhe dentro do longa, analise de forma aprofundada sua espinha dorsal, tente entender a falta de “elementos” que o filme deixa de trazer.