A morte te dá parabéns 2

estrelas

2 anos após a chegada do primeiro filme “A Morte te dá parabéns 2” chega aos cinemas brasileiros, juntamente com a UNIVERSAL PICTURES na linha de distribuição o que rendeu muita publicidade e patrocínios para o longa. Dirigido por Christopher Landon (Diretor do primeiro filme) a trama traz novamente a atriz Jessica Rothe como protagonista.

A Morte te dá Parabéns 2 começa apresentando o personagem oriental (Phi Vu) inicialmente como protagonista (Pelo menos até a apresentação do conflito), logo depois o diretor Christopher passa essa tarefa para a veterana Tree Gelbman (Jessica Rothe), onde ela passa por um colapso de tempo juntamente com seus amigos na escola onde estuda. Está dado a largada para este terror cômico, Tree revive o mesmo dia várias e várias vezes, só que desta vez está perdida em outra dimensão (Onde sua mãe ainda está viva e seu namorado Carter namora outra mulher).

É interessante notarmos a aparição do ator Phi Vu como protagonista inicial (Talvez seja uma questão de estratégia para chamar a atenção de certo público), agora fica a seguinte pergunta –Porque não deixar o garoto como protagonista? O diretor Christopher preferiu dar apenas o gostinho de vermos este ator cômico em cena.        INFELIZMENTE o roteiro deste filme tenta ser uma bagunça bem organizada (Mas não consegue!), sua linha de raciocínio é TREMULA, uma hora segue de um lado e outra hora segue de outro, seus argumentos são PREVISIVEIS e não convencem muita gente.

Outro elemento que o diretor Christopher usa em cena é a referência da COMÉDIA-TERROR. Nos check points mais tensos da personagem Tree é utilizado o fator TERROR e fora de clímax é utilizado o fator COMÉDIA. É tudo uma questão de público! Enquanto havia pessoas dizendo que acharam o filme MUITO LOUCO! OUTRAS DISSERAM QUE NÃO PRESTAVA! O gosto brasileiro é muito controverso não acha?

Enfim, A Morte te dá Parabéns 2 está nas salas de cinemas e deve agradar certo público! Já a Universal Pictures anda fazendo um TREMENDO “merchandise” em cima do filme e tudo começou pelo seu teaser que comprometia o subgênero do filme (Inclusive bem ousado), enfim, tire suas próprias CONCLUSÕES sobre essa sequência, vá aos cinemas!

Veja mais:

Confira a nossa crítica do filme “Sai de Baixo – O filme”