KURSK

estrelas3

‘Kursk’ (2018) é um filme francês-belga dirigido por Thomas Vinterberg e escrito por Robert Rodat. O longa retrata o submarino russo ‘Kursk’ nos anos 2000! Infelizmente o filme foi repudiado pelo então presidente russo -Vladimir Putin por apresentar a Rússia como vilã desta história.

Um grupo de guerrilheiros da marinha russa embarcam no famoso submarino ‘Kursk’ para realizar uma simples simulação de combate, porém, algo dá errado e acontece uma explosão, deixando o resto da população presa no submarino a mercê da boa vontade do governo ir buscá-los. A história parece simples não é? Porém, ela é baseada em fatos reais! O vexame que Vladimir Putin causou é história  para o boi dormir até os dias de hoje.

https://cinemanickelodeons.files.wordpress.com/2019/03/kursk-3.jpg

Enfim, outro aspecto interessante deste longa é que é um filme Francês, Norueguês e Belgo que se passa na Rússia no mar “Barents” nos anos 2000 e qual é a língua retratada em cena? Simplesmente é o “Inglês” (Curioso não é?). ‘Kursk’ traz uma realidade de documentário que emprega a crítica ao descaso das autoridades da Rússia. Jogados ao relento e taxados como “insignificantes” essa é a crítica construtiva que este roteiro constrói.

Outro aspecto interessante é  que a Rússia proibiu as filmagens do filme no território russo. E porquê? Segundo a assessoria do ministério da defesa russa eles tinham outras coisas para tomar conta (Resposta meio vaga não acha?). Meio político a parte, ‘Kursk’ traz um elenco bem interessante como os atores Colin Firth ( Cujo a participação não foi bem aproveitada) e o belga Matthias.

‘Kursk’ é um filme para relembrar o descaso do governo, não somente da Rússia mas também de outros países. Vale a pena se aventurar nesta jornada durante 2 horas de filme.