screenshot_2019-12-01-12-18-58-496_com.adorocinema.android.png

estrelas-amarelas-da-avaliação-de-produto-ilustração-do-vetor-isoladas-no-branco-110507089

Screenshot_2019-11-08-12-32-57-171_com.android.chrome

Screenshot_2019-12-01-12-22-26-803_com.android.chrome

Recentemente a plataforma de streaming Netflix, comprou os direitos de exibição da animação francesa “Perdi meu corpo” (J’ai perdu Mon corps), o longa é dirigido por Jérémy Clapin e foi selecionado para a 58° semana da crítica em Cannes. 

Sinopse Netflix:

Romance, mistério e aventura se misturam na história de um jovem apaixonado em Paris e de uma mão decepada em busca de seu dono.

Esse drama francês se divide em 2 duas narrativas:

Personagem Naoufel:

screenshot_2019-12-01-12-19-13-445_com.adorocinema.android.png

Naoufel (Dev patel) é um jovem garoto atrapalhado que tenta arranjar um emprego que se preze na cidade de Paris, até que conhece a encantadora Gabrielle (Victoire Du bois). A partir deste momento começa um duro questionamento sobre o “Destino” entre os dois personagens. 

Essa história se passa no passado, e traz um ar “hiper realista” para a premissa do filme. 

Personagem da ✋ 

A mão decepada começa a sua jornada fugindo de um laboratório de dissecação, seu objetivo é: encontrar o seu dono. 

Já essa história, trata-se do presente. 

Se pararmos para pensar o roteiro corre em 3 linhas narrativas: Presente (As aventuras da mão pela cidade de Paris), passado (Naoufel em busca do amor de Gabrielle) e por fim, os flashbacks da mão solitária (passado, Naoufel ainda criança).

Esse tipo de roteiro normalmente funciona muito bem, pois trabalha a questão do “TEMPO” e a potência “DRAMÁTICA DE SEUS PLANOS”. “Perdi meu corpo” (J’ai perdu Mon corps) é um longa-metragem belíssimo, que faz uma crítica social bem aceitável. Qual é o verdadeiro sentido da vida? O que acontece quando crescemos e não realizamos os nossos sonhos? Como o destino pode unir duas pessoas? Quão dura a vida pode ser?

Essas são algumas perguntas que essa história deixa no ar. Enfim, o filme possui apenas 01h21 min, então por favor, não tire essa animação da sua lista da Netflix. 

Por favor assista!